Linux: CRIANDO UM SCRIPT QUE MONITORE A TEMPERATURA DO SERVIDOR OU DESKTOP E LHE MANDE UM EMAIL CASO A TEMPERATURA ESTEJA ALTA - LINUX PENTEST

Breaking

LINUX PENTEST

Linux, Pentest , Segurança da informação , T.I e muito mais

Curta ou compartilhe esse site

03 maio 2017

Linux: CRIANDO UM SCRIPT QUE MONITORE A TEMPERATURA DO SERVIDOR OU DESKTOP E LHE MANDE UM EMAIL CASO A TEMPERATURA ESTEJA ALTA

CRIANDO UM SCRIPT QUE MONITORE A TEMPERATURA DO SERVIDOR OU DESKTOP E LHE MANDE UM EMAIL CASO A TEMPERATURA ESTEJA ALTA


Olá pessoal , hoje trago para vocês um script criado por mim , que monitora as temperaturas das máquinas que você esteja trabalhando e caso esteja acontecendo algum problema que a faça aquecer , ela te envia um email, para que seja tomada a decisão sobre o aquecimento.

Não irei criar o script com vocês , porque até explicar todos os comandos iria demorar muito , mas vou deixar bem explicado pra vocês poderem usarem .
Agora os comandos vocês verão nas aulas de shell script aqui no site , então explicarei melhor la.

curso de shell script

É necessário claro que você tenha configurado o servidor de email no seu computador.

como enviar emails pelo terminal 

Primeiro entre no seu terminal
digite o comando

sensors


o resultado obtido devera ser parecido com isso.
Linux: CRIANDO UM SCRIPT QUE MONITORE A TEMPERATURA DO SERVIDOR OU DESKTOP E LHE MANDE UM EMAIL CASO A TEMPERATURA ESTEJA ALTA

Aqui segue-se o primeiro temp1  , (vou te que olhar isso).
É a temperatura da placa mãe.
Core0 primeiro núcleo do  processador.
Core2 segundo núcleo do  processador.
se o seu tiver mais serão listados aqui
É importante estabelecer um padrão de temperatura
que quer que o script te avise
por exemplo no meu
temp1 max 80
core0 max 50
core2 max 50

 Você vai pegar esse script e edita-lo conforme a sua necessidade

o script segue-se :


#!/bin/bash
#programa que monitora a temperatura da placa mae e processadores
#detectado temperatura alta em algum dos setores
#o computador enviara um email com o nome da maquina e  o alerta
#para que seja tomada as decisões  quanto ao problema
#criado por francisco marinho
#versao 0.1
ident=$(uname -n )
tempPlaca=$(sensors | grep temp1 | awk -F .   '{print $1}' | tr -d   '+ temp1 : ')
tempCore1=$(sensors | grep "Core 0" | awk -F . '{print $1}' | tr -d ' +  . Core0 : ')
tempCore2=$(sensors | grep "Core 2" | awk -F . '{print $1}' | tr -d ' +  . Core2 : ')
#verifica a placa mae
if [ ${tempPlaca} -ge "substitua sem aspas pela temperatura max da placa" ] ;then
   
  sendemail -f "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas" -t "substitua pelo endereco de email do destinatario sem aspas" -u "dados da maquina" -m "a maquina ${ident} esta com a  temperatura de ${tempPlaca} graus em sua placa mae ,  favor tomar as devidas precaucoes. "  -s smtp-mail.outlook.com:587 -xu "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas" -xp "substitua pela sua senha de login  sem aspas"



   fi

#verifica o processador 1

if [ ${tempCore1} -ge "substitua sem aspas pela temperatura max do processador"] ;then
      sendemail -f "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas" -t "substitua pelo endereco de email do destinatario sem aspas"-u "dados da maquina" -m "a maquina ${ident} esta com a  temperatura  de ${tempCore1} graus em seu processador numero 1 ,  favor tomar as devidas precaucoes. "  -s smtp-mail.outlook.com:587 -xu "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas"  -xp "substitua pela sua senha de login  sem aspas"

   fi
#verifica o processador 2

if [ ${tempCore2} -ge "substitua sem aspas pela temperatura max da processador2" ] ;then
      sendemail -f "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas"-t "substitua pelo endereco de email do destinatario sem aspas" -u "dados da maquina" -m "a maquina ${ident} esta com a  temperatura  de ${tempCore2} graus em seu processador numero 2 ,  favor tomar as devidas precaucoes. "  -s smtp-mail.outlook.com:587 -xu "substitua pelo endereco de email do remetente sem aspas"  -xp "substitua pela sua senha de login  sem aspas"

   fi

Fazendo isso , substituindo os dados , seu script estará pronto .

Agora de um nome e salve

de o comando :

sudo chmod a+x  nome do arquivo

Pronto agora ele é um executável ,
agora vamos colocar-lo pra rodar a cada 3 minutos na sua  máquina, para isso vamos usar o agendador de tarefas do linux o crontab

para isso de o comando :

crontab -e


Linux: CRIANDO UM SCRIPT QUE MONITORE A TEMPERATURA DO SERVIDOR OU DESKTOP E LHE MANDE UM EMAIL CASO A TEMPERATURA ESTEJA ALTA

Editando a ultima linha como fiz ,
quando der o comando /bin/bash passe todo o caminho até o seu script como está no meu

Até mais pessoal qualquer duvida entra em contato que procurarei sanar-las.

Um comentário:

Linux Pentest

O criado Linux Pentest foi criado para reunir informações sobre a área de hacking, que tem crescido grandemente nos últimos anos, devido a diversos ataques cibernéticos e a crescente área da tecnologia.

Despertando interesse em diversas pessoas como estudante da área de tecnologia da informação, programadores, design, todos estão interessados em fazer parte da elite do conhecimento que são os hackers.

Não se pode falar em hackers, em técnicas de hacking, como descobrir senhas de wifi, como hackear, sem falar em linux, por isso agrupamos também em nosso site tutoriais, dicas, manuais e muito mais sobre as distribuições Linux, seja Bem Vindo ao Linux Pentest. Volte sempre.