O COMANDO MAIS PODEROSO DO LINUX

O COMANDO MAIS PODEROSO DO LINUX , QUE A FORÇA ESTEJA COM VOCÊ!





O COMANDO MAIS PODEROSO DO LINUX


   Olá pessoal , venho trazer a vocês o comando dd um dos comandos com maiores
utilidades dentro do linux , considerado o comando mais poderoso do linux .
 

   Vamos ao seus feitos .



O COMANDO MAIS PODEROSO DO LINUX


   Sintaxe básica:


dd if=origem of=destino


    Exemplo:


dd if=/home/marinho/Downloads/ubuntu_gnome_17.04.iso of=ubuntu_gnome.iso
543986+0 registros de entrada
543986+0 registros de saída
278520832 bytes (1,4 GB) copiados, 111,7956 s, 23,6 MB/s


   O que foi feito?


   Foi feito uma cópia do arquivo "ubuntu_gnome_17.04.iso", localizado em "/home/marinho/Downloads/", onde o arquivo copiado foi para /home/marinho, com o nome de ubuntu_gnome.iso.


   Cópia do HD para um arquivo:




# dd if=/dev/sda of=~/backup-hd0.img

   Será feita uma cópia exata do HD dentro do diretório do root com o nome "backup-hd0.img". Se quiser restaurar o "backup-hd0.img" no /dev/sda4 (lembre que o sda4 deve ter pelo menos o mesmo tamanho do arquivo "backu-hd0" se não os resultados poderão ser desastrosos):

# dd if=backup-hd0.img of=/dev/sda4

   Cópia de partição para o partição:



# dd if=/dev/sda9 of=/dev/sda11

   Será feita cópia da partição /dev/sda9 para a /dev/sda11.

Fazendo uma cópia do HD para um arquivo compactado:



# dd if=/dev/sda1 | gzip > backup_hd.img.gz

   e para descompactar:

# gzip -d -c backup_hd.img.gz | dd of=/dev/sda2

   O comando acima está descompactando o arquivo beckup_hd.img.gz no HD em /dev/sda2.

Criar uma imagem ISO:



# dd if=diretorio of=iso_do_diretorio.iso

   Para visualizar progresso de cópia de arquivos, vá em outro terminal e execute:

 watch df -h


Para converter todos as letras maiúsculas de um documento para letras minúsculas:




dd if=arquivo1 of=arquivo2 conv=lcase

Se quisermos converter todas as letras do ficheiro2 para maiúsculas:



dd if=arquivo2 of=arquivo3 conv=ucase


Para formatar o seu HD :



# dd if=/dev/zero of=/dev/hda

Gerar senhas aleatórias:



dd if=/dev/random bs=2 count=6 | base64 -
gfrf7tgf88hy
6+0 registros de entrada
6+0 registros de saída
12 bytes (12 B) copiados, 0,000100641 s, 119 kB/s



   Voltem sempre , todo dia artigo novo .

Veja mais:

Comentários :

Postar um comentário